Logotipo | Garagem de Bolso
Garagem de Bolso Notícias Automotivas
Crise deixa cicatrizes no mercado automotivo brasileiro
Crise deixa cicatrizes no mercado automotivo brasileiro

Crise deixa cicatrizes no mercado automotivo brasileiro

por Emerson Lemes Santos


"O AUTOMOTIVEBRAZIL 2030 também trata dos avanços das novas tecnologias de conectividade, segurança, eficiência energética e ´cyber security´ nos modelos nacionais" - Foto: Jeep/Divulgação

O ano de 2018 registrou uma recuperação lenta da economia brasileira, bem abaixo do esperado, eventos como Copa do Mundo e Eleições contribuíram para que o país mantivesse o freio de mão puxado.

A indústria automotiva reagiu timidamente, marcas como Kia Motors e Fiat apresentaram orgulhosamente seus resultados do último ano, que, apesar do pesares, agradaram.

Porém, a realidade presente ainda está muito distante do que fora um dia, o Brasil só vai retornar ao nível de 2012 (pré-crise) em 2025.
É o que afirma o AUTOMOTIVEBRAZIL 2030, estudo sobre o futuro da indústria, que será lançado ainda esse mês.
Trata-se do segundo projeto de cenários prospectivos feito em parceria com a Neocom, após o sucesso do AUTOMOTIVEBRAZIL 2025.

O novo estudo avalia tendências mercadológicas, entre elas, o crescimento no volume de vendas de carros com câmbio automático, que em 2018, representou 49% do total de emplacamentos no Brasil.
Outro destaque do estudo, é previsão de participação dos SUVs, que atualmente é de 20% e deverá chegar aos 30% em 2025.

"Copo meio cheio ou meio vazio?"

O primeiro dia de fevereiro trouxe uma importante reflexão, se por um lado, a economia está reagindo, por outro, ela ainda está muito distante dos seus melhores dias, e você, de qual lado está?